Foto por Pixabay

“Só por Ti, Jesus, quero me consumir, como vela que queima no altar, me consumir de amor”

Com base no trecho da canção composta pelo cantor católico Eugênio Jorge, que menciono no início deste texto, e também com base em seus conhecimentos, você saberia responder qual a função da vela? Dessas que você possui em casa.

Muito provavelmente você deva ter respondido que sua função é a de iluminar, ser luz. Se essa foi sua resposta, você está certo. Só que pra que isso aconteça, ou seja, pra que ela possa de fato exercer essa função, que é a de iluminar e ser luz nos ambientes, ela vai se desgastando com o tempo até que seja consumida por completo.

Agora, imagine essa mesma vela guardada dentro de um armário ou esquecida em uma caixa qualquer dentro da sua casa. Estando nessa situação, você há de concordar comigo que essa vela está momentaneamente impossibilitada de exercer a função para a qual ela foi criada.

Citei esse exemplo da vela, porque assim como ela, dadas as devidas proporções, você é chamado por Deus a exercer a sua missão neste mundo, seja em sua família, na vida profissional ou exercendo alguma função dentro da igreja.

Entenda que a melhor forma de realizar essa missão é gastar a sua vida sendo aquilo que você é, onde você se encontra hoje e no caminho pelo qual Deus te conduz.

É necessário consumir-se, como a vela, pela sua vocação e pelo seu chamado. Dar a vida e o “seu sangue” pelo ministério, pelos irmãos, pela sua família, até o fim, por amor, sem medo e sem vacilar.

“Não vacilarei, nem mesmo na dor. Quero seguir até o fim…Só por ti Jesus”

Deus é contigo!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.