Foto: Dom Gil preside a Santa Missa às 20h nesta segunda / Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Juiz de Fora

O Arcebispo Metropolitano de Juiz de Fora (MG), Dom Gil Antônio Moreira, referência pela CNBB para o Movimento do Terço dos Homens no Brasil, presidirá hoje (13), às 20 horas, a Santa Missa na Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, na Praia da Costa, em Vila Velha.

Programação

Logo após a Missa, Dom Gil vai participar da reunião do Terço dos Homens da paróquia e conduzir a récita do Santo Terço. No dia 30 de maio, Dom Gil retorna ao Espírito Santo para participar do VII Encontro Estadual do Terço dos Homens, que será realizado no Convento da Penha.

Dom Gil

Dom Gil Antônio Moreira nasceu em Itapecerica (MG), no dia 9 de outubro de 1950. Filho de Antônio Moreira (in memoriam) e Maria Teresa Mendes Moreira (in memoriam), é o segundo filho de oito irmãos. Depois de cursar seus primeiros anos escolares em sua terra natal, ingressou, aos 11 anos, no Seminário Menor São José, de Divinópolis. Nesta mesma cidade colou grau em Letras e Filosofia, indo depois para Belo Horizonte, onde se formou em Teologia, pela PUC-MG. Além disso, é Mestre em História da Igreja pela Universidade Gregoriana de Roma.

Foi ordenado presbítero em 18 de dezembro de 1976, em Itapecerica. Foi nomeado Bispo Auxiliar de São Paulo, por João Paulo II, no dia 14 de julho de 1999, tendo recebido a Ordenação Episcopal aos 16 de outubro de 1999, também em Itapecerica, sua cidade natal. Seu lema é Scis Amo Te (Senhor, sabes que te amo).

De 1994 a 2004, Dom Gil exerceu diversas atividades como Bispo Auxiliar na Arquidiocese de São Paulo, e também atuou como Bispo em Jundiaí, de 2004 a 2009. Em 28 de janeiro de 2009, foi nomeado Arcebispo Metropolitano de Juiz de Fora pelo Papa Bento XVI, tendo tomado posse dois meses depois.

O arcebispo de Juiz de Fora foi membro da Congregação para Educação Católica (Roma). Atualmente é Bispo Responsável pela Comissão de Bens Culturais da Igreja no Regional Leste II. É também coordenador da Comissão Nacional de Comemorações dos 50 anos do Concílio Vaticano II e Assistente Espiritual Nacional do Terço dos Homens.

Em pouco mais de seis anos na Arquidiocese de Juiz de Fora, o arcebispo já recebeu a medalha do Mérito Legislativo, o título de cidadão honorário, a Medalha Comendador Henrique Halfeld e o título de Amigo do Patrimônio da Funalfa (Fundação Alfredo Ferreira Lage).


Com informações da Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Juiz de Fora (MG)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.